Se a Riviera Francesa pudesse ser resumida em três palavras, certamente elas seriam glamour, beleza e sofisticação. Também conhecida como Côte D’Azur (Costa Azul) por conta de seu mar cor turquesa, a região localizada no Sul da França é sede de pontos turísticos mundialmente famosos, como Cannes, Saint Tropez e, claro, Nice.

 

 

Maior cidade e “capital não oficial” da Côte D’Azur, Nice carrega ares de sofisticação e ostentação. Rodeada por lojas de grifes internacionais, carros importados e gente famosa, a cidade da chamada “Baía dos Anjos” também chama a atenção pela orla. Embora a areia seja cheia de pedregulhos (fazendo com que muitos visitantes recorram a sandálias de borracha para caminhar), a cor do Mediterrâneo impressiona até nos dias mais nublados.

 

 

Vale a pena sentar-se nos restaurantes à beira-mar para observar a paisagem e os aviões que sobem e descem o tempo todo. O aeroporto da cidade, um dos mais movimentados e charmosos da Europa, fica às margens do oceano.

À beira-mar também fica uma das avenidas europeias mais famosas: La Promenade des Anglais (Passeio dos Ingleses), construída pelo britânico Lewis Way. La Prom, como é chamada, tem cerca de quatro quilômetros, indo do Teatro de Verdure até o aeroporto.

 

 

 

QUATRO DICAS PARA QUEM VAI A NICE:

1)      A cidade não é tão grande – tem cerca de 345 mil habitantes – então torna-se fácil caminhar por suas ruas e avenidas. Também é possível alugar as famosas vélos bleus (bicicletas azuis).

2)      Vale a pena visitar os arredores. Há um trem para Cannes, e a viagem leva pouco mais de 40 minutos. Consulte horários e preços no site www.raileurope.com.br, ligado à SNCF, a estatal francesa responsável pelo serviço.

3)      Outro passeio bacana nas redondezas é Grasse, conhecida como a capital mundial do perfume, devido à importância dada à cultura de flores. Há pelo menos três perfumarias na cidade, que podem ser visitadas normalmente: Galimard, Molinard e a mais antiga delas, a Fragonard Perfumery (de 1782). Nesta é possível conhecer todo o processo de fabricação e até comprar frascos e cosméticos a ótimos preços. Detalhe: na Fragonard, há guias que falam português.

4)      O topless é usual nas praias do balneário há décadas.

 

 

Fonte: Zero Hora | Caderno Viagem

Fotos: Reprodução